Destaques


CABECEIRAS DE BASTO

Mais 27 reforçam efetivo

  • CABECEIRAS DE BASTO-Mais 27 reforçam efetivo
É caso único em Portugal! São 27, os novos Bombeiros a quem na noite de 10 de julho, foram colocadas as divisas de bombeiro.
São agora 90, os operacionais na Associação Humanitária de Cabeceiras de Basto, que a comemorar 72 anos de existência consegue este feito notável. Já há cerca de três anos que não ingressavam novos elementos na corporação. Num concelho que perde população, como todo o interior, sem grandes alternativas de emprego para os seus jovens, o dia de ontem ficará para a história desta instituição. Tendo em conta a dimensão de Cabeceiras de Basto, com pouco mais de 15 mil habitantes, 27 novos bombeiros que terminaram a formação com é caso único em Portugal.
Na atualidade, a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários Cabeceirenses, dispõe de modernas instalações, dispõe também do material adequado, que lhe permite acorrer às inúmeras solicitações que recebe, seja no apoio à população, no transporte de doentes urgentes e não urgentes, ou até nos incêndios, praga que por esta altura do ano e até finais de setembro fustiga as nossas florestas. Seja por descuido ou, na grande maioria dos casos, mão criminosa.
O legado deixado por todos aqueles que há 72 anos tiveram a feliz ideia de criar uma corporação de Bombeiros, está bem presente nos nossos dias, através de um trabalho de entrega dos muitos voluntários, que no passado e hoje, fizeram e fazem a história desta grande instituição.
Afirmava Jorge Machado, presidente da direção da associação, que modernas instalações e material adequado, de nada servem sem bombeiros. Uma grande verdade.
Nas palavras do comandante Duarte Ribeiro, os heróis foram os 27 homens e mulheres, ainda jovens, que passam a integrar o corpo ativo, que vão, a partir de agora, estagiar com os mais velhos.
É devida uma palavra de reconhecimento para estes 27 novos Heróis, para o comando e para a direção, estes últimos bombeiros sem farda, pelo trabalho que diariamente desenvolvem, sempre dispostos a ajudar quem mais precisa.
BP com Radio Voz de Basto

Sofia Ribeiro
14.07.2021 | 14h51